Saúde bucal para pacientes com Síndrome de Down

Síndrome de Down

Alunos da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB) da Universidade de São Paulo (USP) vão apresentar o resultado do projeto “Saúde bucal em todas as idades para pessoas com Síndrome de Down”, no 5º Simpósio Aprender com Cultura e Extensão da USP, a ser realizado nos dias 17 e 18 de novembro, no Centro de Eventos da USP de São Carlos, cidade do interior de São Paulo.

O evento é promovido pela Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária (PRCEU) da USP, com o objetivo de reunir projetos que contribuam para a formação do aluno, envolvendo a pesquisa que resulta em ações de cultura e extensão com impacto social.

O projeto integra o Programa Aprender com Cultura e Extensão da USP e tem como orientadora Carla Andreotti Damante, professora doutora da Disciplina de Periodontia da FOB/USP e colaboração do mestre Rafael Ferreira. Integram o projeto as alunas bolsistas da FOB: Valeria Nicole Jurfest Teodovich (Fonoaudiologia), Bruna Oliveira Bunduki (Fonoaudiologia) e Elisabete Aparecida Caetano Ferreira (Odontologia).

O estudo também contou com a ajuda de voluntários: André Figadoli (dentista e ex-aluno da FOB), Gabriela Sousa (advogada), Maria Renata José (doutoranda da Fonoaudiologia da FOB) e Mariana Dias de Moraes e Juliana Nakamura Teruya (graduandas em Fonoaudiologia da FOB).

A ideia do projeto surgiu com base nas atividades realizadas durante o mestrado de Rafael Ferreira, sob orientação da professora Carla Andreotti Damante, devido à grande necessidade de instrução da higiene bucal aos pacientes com Síndrome de Down e seus cuidadores.

O objetivo desse projeto é permitir o acesso aos pais e/ou responsáveis legais, cuidadores e profissionais de áreas afins, informações sobre a importância e de como realizar e manter uma adequada higiene oral, além de esclarecer e conhecer quais são as principais dúvidas e dificuldades encontradas por eles referentes à higienização oral.

Com os participantes com Síndrome de Down, o objetivo foi a realização de atividades de educação em saúde, mostrando de forma lúdica como se realiza a correta higienização oral. O projeto visa todas as idades, desde bebês até pacientes adultos, sendo as informações adaptadas de acordo com a idade.

Informações da Assessoria de Imprensa

DEIXE UMA RESPOSTA